Após ter sua melhor atuação pelo Flamengo, Lincoln pode se despedir do time


Com um total de 50 jogos atuando no profissional Lincoln negocia a sua saída do Fla



Jogador que foi alvo de críticas em outros carnavais, Lincoln apresentou seu potencial técnico para ser protagonista no Flamengo na última noite. No jogo de ontem contra o Independiente Del Valle, pela quinta rodada do Grupo A da Libertadores, o jogador que não marcava a cerca de 10 meses, abriu o placar da partida e comemorou simbolizando “silêncio”.

O Flamengo está propenso a fechar negócio com o Grupo City, que pretende recrutar Lincoln por empréstimo desde os primeiros dias deste semestre. Inicialmente reticente para aceitar a proposta, a comissão técnica do Flamengo viu como uma ótima estratégia após as duas participações consecutivas de destaque do camisa 29.

Mesmo não tendo as negociações sacramentadas, o jogador não se deixou abater pelas críticas nas redes sociais por parte da torcida e desempenhou muito bem suas funções dentro do time, quando atuou numa função distinta da que vinha exercendo – ou seja, como ponta (seja esquerda ou direita).

O jogador de 19 anos tem contrato com o Flamengo até 2023 e uma multa rescisória de 50 milhões de euros (cerca de R$ 329 milhões). Com ótimas credenciais através da base e a pouca idade, esteve sob os olhos de Domènec Torrent que pediu para observá-lo melhor assim que chegou, fazendo com que o Flamengo rejeitasse propostas pouco convincentes de empréstimo (do Nantes, da França, e do Mouscron, da Bélgica, por exemplo).

Mais valorizado pelo mercado, a tendência é que Lincoln saia para adquirir rodagem. Precocemente promovido aos profissionais, ainda em 2017 o jogador mostrou superioridade ao comemorar seu gol marcado na noite de ontem, mostrando o sinal de silêncio.

Veja Também

São Paulo encara Rogério Ceni pela primeira vez em um mata-mata

O torcedor são-paulino se depara com uma situação inédita, enfrentar seu histórico goleiro, hoje como técnico do Fortaleza