Em eleição comemorativa dos 50 anos do Clube, Raí é eleito o maior jogador da história do PSG


Maior jogador do PSG é um brasileiro, Raí é eleito maior jogador da história do PSG



Um brasileiro é eleito o maior jogador do PSG, escolhido em uma eleição que reúne ex-jogadores, técnicos, dirigentes, jornalistas e sócios, Raí foi eleito o melhor da história do clube em seus 50 anos de existência. Ronaldinho fica em terceiro, e Neymar é o sexto colocado.

O segundo colocado da lista foi o ex-meia bósnio Safet Susic. Tendo Raí como primeiro nome em todos os grupos, a votação foi realizada com 2,5 mil votantes, dos quais 30% foram ex-jogadores, técnicos e dirigentes, 30% foram jornalistas e 40% foram sócios.

O jogador comentou à revista especial de 50 anos do clube: “Sinto um imenso orgulho. Estou muito honrado com essa gratidão que as pessoas manifestaram comigo. Não acredito necessariamente em destino, mas acredito em energias que atraem. Estava escrito que eu compartilharia essa história com o Paris.”

Com um total de 204 jogos, Raí jogou no PSG entre 1993 e 1998 e fez um total de 71 gols com a camisa do PSG. O jogador conquistou seis títulos, entre eles um Campeonato Francês e duas edições da Copa da França, além de ter participado da equipe que chegou à semifinal da Liga dos Campeões em 1995.

Com diversos jogadores em evidência junto a sua história, o PSG classificou Cavani em nono lugar sendo ele o maior artilheiro da história do PSG, com 200 gols, Ibrahimovic ficou na quarta posição da eleição e foi o primeiro representante da era recente do clube e Mbappé ficou na 10ª posição.

Dentre os técnicos em destaque, Carlo Ancelotti foi escolhido o maior técnico, o segundo lugar ficou com Lauren Blanc. O PSG completou 50 anos no último dia 12 de agosto.

Veja Também

São Paulo encara Rogério Ceni pela primeira vez em um mata-mata

O torcedor são-paulino se depara com uma situação inédita, enfrentar seu histórico goleiro, hoje como técnico do Fortaleza